Quarta-feira, 14 de Setembro de 2016

À atenção dos Serviços Secretos Chineses

Caros Serviços Secretos Chineses Venho, deste modo, apresentar o meu desagrado em relação ao canal de televisão internacional chinês CCTV News, pela sua parcialidade no tratamento de informação relativamente à Coreia do Norte. De facto, todas as vezes que apresentam notícias em relação a esse país, mais frequentemente no âmbito de testes nucleares por parte do mesmo, apresentam o ponto de vista chinês, ocidental, incluindo E. U. A. e U. E., e japonês e sul-coreano, nunca apresentando o ponto de vista norte-coreano, particularmente com entrevistas a diplomatas, políticos, como embaixadores, como o embaixador na China. Causa-me alguma estranheza, dada a maior proximidade da China relativamente à Coreia do Norte, pelo menos, mais do que, por exemplo, por parte do ocidente ou japoneses e sul-coreanos, maior proximidade essa que também caracterizará a Rússia. Na minha análise, dado o Secretário-Geral das Nações Unidas ser de nacionalidade sul-coreana e a política militarista à cowboy dos Estados-Unidos, invadindo e bombardeando países à descrição, porquanto nas Nações Unidas veta desenvolvimentos positivos para os povos, como o acabar o embargo a Cuba e não permitindo sancionar Israel pela sua política de apartheid em relação a palestinianos, e ocupação militar também de outros territórios, com a descredibilização das Nações Unidas,esta política mediática, dizia eu, da China, vem, a meu ver, tentar dar crédito a essa instituição elitista de supostas nações unidas. Por falar em Crédito, é preciso muita Máscara, no sentido Junguiano, em português vernáculo, é preciso muita cara de pau, por parte da China e da Rússia, venderem uma imagem pelo mundo todo de que têm todo o direito de se defenderem das contenções militares da NATO e dos E. U. A., em geral, porquanto, em particular através de votarem no Conselho de Segurança da O. N. U. a favor de sanções à Coreia do Norte, querem negar ou pretender negar o muito legítimo direito da Coreia do Norte de se defender em relação aos estado-unidenses, que nutrem um ódio patológico em relação a essa nação. Mediaticamente e/ou diplomaticamente, quer China quer Rússia parecem cada vez mais estarem a tornar-se naquilo que muito vinham criticando, quer tornando-se cada vez mais como media mainstream quer como acções como a abstenção dessas duas nações que permitiu a invasão da Líbia, destruindo esse país. Mais audiências menos audiências, mais reconhecimento mundial menos reconhecimento mundial... efectivamente, não precisamos de mais instituições e nações dessa natureza! Com os melhores cumprimentos, Sérgio Resende - Nome de código: Serput

publicado por sergioresende às 14:37
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Ah!

. Mar

. Grande droga

. Mirada

. Viagem

. Questões

. Amor sob céu

. À atenção dos Serviços Se...

. Conto persa

. Mensagem ao SIS ( caso es...

.arquivos

. Janeiro 2017

. Setembro 2016

. Março 2013

. Fevereiro 2012

. Maio 2011

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds